Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela

Ir em baixo

Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela Empty Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela

Mensagem  Africa Twin em Ter Maio 08, 2012 5:31 am

Boas pessoal do Moto Evasão, venho aqui postar um tópico por mim criado no Africa Twin Club Portugal, na esperança de contar com a participação de alguns membros aqui do fórum.

Este é o tópico em questão:http://africatwinpt.forumotion.net/t2271-pedido-de-ajuda-protesto-contra-pre-pagamento-na-bomba-da-e-leclerc-da-bobadela#39068

Quem entender participar, comente aqui porque vou actualizando este post, caso seja necessário.

Abç, AT

Rapaziada, venho pedir a vossa ajuda para protestar contra uma situação de descriminação por pré-pagamento APENAS para quem anda de moto que se verifica na bomba acima mencionada.

A minha "história" com este posto já vem de há uns 3 anos, nomeadamente com o gestor da loja, se não me engano de nome, Alexandre Ferreira (sujeito a correcção), que deve ser um motociclista frustrado ou então teve alguma ex-namorada que o deixou e fugiu com um motociclista... só pode, para esta pessoa demonstrar ser tão obtusa em relação a quem anda de moto...

Tudo começou um dia onde perdi 45 minutos para abastecer a AT, numa manhã de Domingo em que decidi ir passear com a minha ex (na altura, actual) companheira...

Capacetes e luvas tirados, pedido cordial à operadora de caixa para me deixar abastecer, recusa terminante alegando o cumprimento de ordens, pedido para falar com o responsável (o tal eventual motociclista frustrado) e consequente discussão centrada em torno do meio de locomoção versus modo de pagamento...

Sou um gajo simples que gosta de respostas simples e directas, pelo que os dogmas "porque sim" e "porque não" sempre me custaram a engolir... o que originou um visita do responsável máximo da loja. A contra-gosto, deixaram-me abastecer a quantidade que eu entendi e pagar tal como o faço quando lá vou de carro.

Das (poucas) outras vezes que lá voltei, tive a sorte de ser atendido por uma funcionária inteligente e que soube ler nos meus olhos que nunca a iria enganar em 30 euros de gasolina (talvez a "enganasse" depois de lhe pagar um jantar bem regado, mas isso são outros "quinhentos"... Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela 613116 Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela 749478 ) e me deixou sempre abastecer, porque confiou em mim, vá-se lá saber porquê... eu, um bandido das motos que anda sempre a acelerar de escape livre, assustando tudo e todos e de caçadeira de canos serrados debaixo do blusão, pronto para assaltar farmácias e as velhinhas mais incautas que se atravessarem à minha frente...

Avancemos até algures no início deste ano: saída marcada com o nosso colega ATista Adolfo Areia, nova cena nas mesmas bombas: recusa em me deixar abastecer, funcionária de lágrimas nos olhos e à beira de um ataque de nervos com os impropérios que eu lhe disse - mas não faltas de respeito, bem entendido: a pobre funcionária estava apenas a cumprir ordens... ordens idiotas e despropositadas, mas ordens dadas por um superior idiota e sem categoria para as dar... talvez ele próprio as esteja, também, a cumprir - já explico porque me insurjo contra este (i)responsável de forma tão particular...

Desta vez apareceu outro responsável de serviço, de seu nome Paulo (não me recordo do sobrenome), que me deu a mesma lenga-lenga, mas após meia-hora de trocas de motivos e argumentos me deixou abastecer. De saída, disse à tal funcionária à beira de um ataque de nervos algo do tipo: "está a ver como podia ter confiado em mim e evitado isto tudo?". Paguei e saímos.

Voltei lá passada uma semana, desta vez de carro, abasteci 10 euros e dirigi-me à caixa. A mesma funcionária fitava-me fixamente, ao que eu respondi: "Está boa? Está a reconhecer-me? Sim, sou eu, o bandido da mota preta e laranja... (sorrindo). Da próxima vez que eu cá voltar na moto, já sabe, pode me deixar abastecer que eu não fujo." Respondeu-me "São ordens", sorrindo também.
"-Eu sei, que sim, mas são ordens erradas, enfim... mas você não tem a culpa". Paguei e saí.

Avancemos mais uma vez até ao dia 25 de Abril... mais uma vez, saída com o Adolfo Areia, a minha AT na reserva... posto de abastecimento da E-Leclerc na Bobadela, esperando que a funcionária fosse razoável e que não se passassem novas cenas...

Puro engano: nova recusa da funcionária (outra, nenhuma que me conhecesse). Insistência minha, blah, blah, etc, coiso-e-tal, a lenga-lenga que todos nós já sabemos... Pedi para falar com o (i)responsável de serviço, na esperança de que fosse o Paulo, mas não... aparece-me o tal Alexandre "motociclista frustrado"... Este gajo nunca deve ter sentado o cu numa AT!!! Evil or Very Mad

Vejo perfeitamente a expressão na cara dele, como se dissesse algo do tipo: "fod*-se!!! outra vez este gajo da mota?!?! Mas será que ele ainda não percebeu que não o quero cá???"

Perceber, até percebi, mas, ao mesmo tempo que posso ser um gajo 5 estrelas e bom rapaz (modéstia à parte Embarassed ), também sei ser dos maiores sacanas que existem ( Evil or Very Mad ) caso se me depare com uma situação em que perceba que estão a me tramar descaradamente e, pior, a gozar o prato com a minha cara. Pois foi isto mesmo que o idiota (i)responsável fez.

Travei-me de razões com ele, atrasou-nos mais de meia hora, o coitado do Adolfo já só queria ir-se embora, mas eu, como já disse posso ser um chato do pénis e fui mesmo!!! Disse-lhe que ele não tinha competência para ocupar o lugar que ocupava porque, em vez de evitar conflitos, procurava criá-los, pois via-se perfeitamente que ele tinha percebido que nós estávamos com pressa e ele fazia de propósito para nos atrasar com falsos telefonemas para a segurança (como se fosse o segurança que tivesse poder de decisão sobre quem faz, ou não pré-pagamentos... conta outra, ó parvalhão!!!), na esperança de nós desistirmos.

Chegou ao cúmulo de me pedir para lhe deixar o meu BI para poder abastecer e, quando lhe fiz notar que isso era ilegal e lhe pedi que me deixasse o dele, ele respondeu que não tinha de me deixar nada porque ele não queria abastecer, directamente implicando que a recusa do abastecimento se prendia com o meu meio de locomção e não com outra coisa qualquer.

Pela última vez tentei chamá-lo à razão, mas depressa desisti.

Quando lhe perguntei porque é que ele estava a comprar uma guerra com os motociclistas e porque é que nos considerava consumidores de segunda categoria respondeu-me que não tinha medo de ameaças e que já há uns anos (aquando do primeiro episódio) eu lhe tinha dito que lhe entupia a bomba de motos durante uma manhã e que nunca tinha feito nada... estão a ver o filme?

Virou-me as costas e foi-se embora, pura e simplesmente. Eu fiquei a olhar para ele, sem reacção.

Acabámos por ir meter gasolina noutro lado, mas desta vez não quero deixar as coisas passarem em branco!!!

Assim e após esta história que vos conto, gostava de saber da vossa disponibilidade em participar num protesto organizado especificamente contra este posto e, de uma forma geral, contra todos os postos que descriminam os motociclistas.

Obviamente que me dirijo ao pessoal do ATCP que resida na área de Lisboa e arredores, pois não é razoável virem de longe só para isto.

Assim, a minha ideia seria: juntar 15 ou 20 motos (ATs e outras - vou postar isto num outro fórum, generalista, de motos que também frequento e no grupo do facebook dos motólicos anónimos) - se forem mais, tanto melhor... e entupir a bomba (de forma ordeira) e fazer o pagamento com moedas de baixo valor, de forma a causar-lhes o maior transtorno possível (mas sempre dentro da lei!). Obviamente que irão tentar fazer prevalecer o princípio do pré-pagamento, mas cada um de nós iria recusá-lo e pedir para falar com o responsável... esperando eu que seja o mesmo (i)responsável motociclista frustrado... Twisted Evil Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela 14816

Quem sabe, alguém de direito neste posto reconheceria a nossa força?... vendo que não somos nenhuns bandidos?
Há "ovelhas ranhosas" em todo o lado e nem tudo o que anda de moto é ladrão.

O que acham? Acham que podemos pensar em algo deste tipo?
Podíamos até marcar uma almoçarada a seguir a isto... pronunciem-se.

Abç, AT Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela 78901

_________________
Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela SigATCP[/url]
Africa Twin
Africa Twin
Cinquentinha
Cinquentinha

Número de Mensagens : 503
Idade : 51
Localização : Sacavém, Loures
Moto do momento : Africa Twin 750
Data de inscrição : 01/08/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela Empty Re: Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela

Mensagem  RuiSilva em Ter Maio 08, 2012 8:48 am

Vontade não me faltava para me juntar a esse protesto! Até porque em alguns locais aconteceram-me situações semelhantes para abastecer até na PCX! Uns míseros 8,50€... Imagino que em caso de fuga a bomba, ficaria com um prejuizo mesmo muito elevado. No entanto um automóvel BMW com depósito de 60 litros, facilmente poderá fugir com mais de 100€...

Tenho aqui um tópico aberto aqui para o Norte que espero poder reabrir no próximo 3º domingo do mês: https://mototuga.forumeiro.com/t1932p15-gasolina-e-protestos#32500

Aproveito e deixo aqui um texto legal (que imprimi e várias cópias me acompanham) para que nas próximas ocorrências pedir o livro de reclamações e anexar a respetiva folha.

Venho por este meio informar que, esta casa comercial incorre em várias infracções perante a Lei, as quais passo a citar:

Artigo 13º da Constituição da Republica Portuguesa
1. Todos os cidadãos têm a mesma dignidade social e são iguais perante a lei.

Artigo 60º da Constituição da Republica Portuguesa
1. Os consumidores têm direito à qualidade dos bens e serviços consumidos, à formação e à informação, à protecção da saúde, da segurança e dos seus interesses económicos, bem como à reparação de danos.

Lei da Defesa do Consumidor
Lei 24/96 de 31 de Julho Artº 3, alínea a)
À qualidade dos bens e serviços.

Decreto Lei 370/93 de 29 de Outubro, Artº 1
É proibido a um agente económico praticar em relação a outro agente económico preços ou condições de venda discriminatórios relativamente a prestações equivalentes,nomeadamente quando tal prática se traduza na aplicação de diferentes prazos de execução das encomendas ou de diferentes modalidades de embalamento, entrega, transporte e pagamento, não justificadas por diferenças correspondentes no custo de fornecimento ou do serviço.

Perante esta directa afronta, sou confrontado com uma difamação à minha pessoa.
Difamação essa que perante o Código Penal (Artº 180) é punível com pena de prisão até 6 meses ou pena de multa até 240 dias.

Estes incumprimentos aqui acima descritos devem-se ao facto de este posto de abastecimento, discriminar os motociclistas.
Pois aquando de a minha chegada, verifico que os automobilistas abastecem e pagam de seguida, eu não. Primeiro vejo-me obrigado a pagar para somente depois abastecer.
Visto isto, só posso esperar que seja feita justiça perante a lei, a qual é clara e objectiva.

Atentamente,

_________________
O importante na vida não é o destino, mas sim a viagem...

ex-Honda STX 1300 | ex-Honda PCX 125 | ex-Honda CBF600sa 47k | ex-Honda NX4 40k
http://www.rsilva.eu & http://ruiassilva.blogspot.pt
RuiSilva
RuiSilva
Moto-Evadido
Moto-Evadido

Número de Mensagens : 3419
Idade : 38
Localização : Portugal, Gaia
Moto do momento : Honda NC 750x
Data de inscrição : 18/07/2008

http://www.rsilva.eu

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela Empty Re: Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela

Mensagem  freddy_krueger em Qui Maio 10, 2012 4:10 am

Também estou longe, senão tb lá iria fazer um consumo mínimo obrigatório pago com meu jarro de poupanças (vulgo moedas "pretas" de20, 10, 5, 2 e 1 cêntimo Razz)

Um abraço e força aí!!!

_________________
freddy_krueger
Sym Fiddle 125 ST - Iron Baby
Ex: Yamaha Fazer 600 '98 - a Bia
ex: Honda CB-500 '94 "xenon" - a Flor
Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela 0011sy10
freddy_krueger
freddy_krueger
Moto-Evadido
Moto-Evadido

Número de Mensagens : 4461
Idade : 41
Localização : Mozelos, S.M.Feira
Moto do momento : Sym Fiddle 125 ST IRON Smile
Data de inscrição : 18/07/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela Empty Re: Pedido de ajuda - Protesto contra pré-pagamento na bomba da E-Leclerc da Bobadela

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum